Lichia – Litchi Chinensis

Como você já deve ter percebido em função do nome científico da planta, a lichia não é nativa do Brasil, mas sim da China. Fruta saborosíssima, a lichia é uma fruta subtropical produzida em uma árvore que pode atingir de 15 a 20 metros de altura se for oriunda de semente e, neste caso, a produção se inicia apenas após 10 anos! Não obstante, a lichieira é uma árvore de vida longa, que continua produzindo mesmo após os 100 anos de idade!!

lichia

À esquerda, Lichieira frutificando. À direita, frutos maduros

A floração (que dura vários dias e ocorre entre os meses de junho e julho) é similar a da mangueira: longas hastes carregadas de diminutas flores de tom creme, perfume suave, mas que atrai inúmeros insetos polinizadores com facilidade. A produção é alternante e depende do número de flores masculinas presentes por panículo. Existem três tipos de flores nas lichieiras: duas funcionalmente masculinas e uma feminina. As masculinas não possuem óvulo e as femininas são hermafroditas. A segunda variedade de flor masculina possui pistilo rudimentar e ovários não desenvolvidos. A colheita ocorre em um período muito curto, de meados de dezembro a início de janeiro, e a  produtividade normal da lichieira é de 30 a 45 kg/planta adulta.Como possui flores masculinas e femininas em uma única planta, basta você ter uma para que possa colher frutos.

A lichieira é bastante exigente com relação ao clima: desenvolve-se bem mas não produz satisfatoriamente em regiões tropicais, adaptando-se melhor em regiões onde o clima é frio e seco antes do florescimento e, no resto do ano quente e úmido. A precipitação ideal encontra-se entre 1.250 e 1.700 mm anuais. A exigência em água é maior nas plantas novas e naquelas em produção.

O cultivo comercial da lichia resultou na seleção e produção de variedades que produzem frutos de diferentes tamanhos, forma e quantidade de polpa. As variedades mais comuns são as que seguem:

  • Bengal – Originada a partir de seleção da variedade indiana Purbi. A planta apresenta moderado vigor, frutificação irregular e maturação precoce. Os frutos são cordiformes (em forma de coração), com peso médio de 21 g, coloração vermelho-brilhante, polpa firme e de boa qualidade.
  • Brewster – Tem origem na província chinesa de Fujian, onde a variedade é chamada de ‘Chen Zi’. A planta é vigorosa, de crescimento ereto, apresenta frutificação irregular e maturação mais precoce que a ‘Bengal’. Os frutos são elípticos, com peso médio de 23 g, coloração vermelho brilhante, polpa macia, de qualidade aceitável. Cerca de 74% de sabor ácido, a menos que esteja bem madura. Semente de tamanho mediano a grande e com 30% a 50% de abortos. Frutos com aspecto bastante semelhante aos da ‘Bengal’, mas não se apresentam em cachos tão compactos.
  • Americana – Variedade desenvolvida no Brasil, a partir de sementes selecionadas da variedade ‘No Mai Tszé’ trazidas dos EUA. Apresenta fruto cordiforme, com cerca de 18 g e coloração vermelho-intensa. Cerca de 30 a 50% de sementes são naturalmente abortadas. A produção é de excelente qualidade, entre regular e alternante, com rendimento moderado.
  • Kwai Mai Pink – Cultivar de maturação na meia estação, caracterizada pela coloração alaranjada de seus frutos. É considerada a lichia de menor alternância, com cachos com 8 a 20 frutos, com uma semente média.
  • Emperor – A que produz maiores frutos. Cultivar de maturação na meia estação, com cachos contendo de 3 a 8 frutos de tamanho grande.
lichiafl

Floração da Lichieira

Pode ser cultivada em vasos? SIM, embora estes devam ser grandes. Um vaso com 80cm de altura por 50 cm de boca pode garantir uma boa produção, desde que respeitadas as condições climáticas e morfológicas supracitadas. O vaso que tenho em minha casa tem exatamente este tamanho.

Onde encontro mudas para vasos? Você pode encontrá-las na maioria dos fornecedores listados na seção de links, também no Mercado Livre e mesmo em bons viveiros locais. Procure por mudas produzidas pelo sistema de alporquia, as quais já produzem desde os 80 cm de altura e 3 anos de idade. Ademais, mudas produzidas por alporquia se tornam árvores menores, de 3 a 5 metros de altura se plantadas no chão, e não aqueles gigantes de 15 a 20 metros de altura.

ATENÇÂO: A lichieira é suscetível à ácaro-erinose, uma doença que pode reduzir muito a produção e mesmo levar a planta à morte. Esta doença faz com que as folhas fiquem retorcidas e com “bolhas”, recobertas por um veludo marron em sua face inferior. Uma vez contaminada, a cura é muito difícil. Por isso, se a muda tiver sinais de estar infectada, não a compre em hipótese alguma! Veja a foto de uma planta infectada:

erinose

Para quem reside no estado de São Paulo, em especial na região próxima a Taubaté, o melhor local para você ir buscar a sua muda de lichia, é o http://www.lichias.com. Lá você também poderá comprar mudas de rambutan e de longan, frutas que podem ser consideradas parentes da lichia.

Bom cultivo!

 

Anúncios

2 pensamentos sobre “Lichia – Litchi Chinensis

  1. Olá, adorei seu blog. Meu pai tem uma enorme licheira nos fundos de casa, que produz muitas frutas. Eu sinto muitas saudades de comer lichia. Na região onde eu moro eu não encontro a fruta para comprar, mas já vi mudas a venda. Agradeço as informações que vc colocou aqui. Agora fiquei animada a tentar num pote, já que não tenho jardim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s